Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

Equipa internacional registou uma  explosão estelar que nunca antes tinha sido observada e pode envolver duas estrelas

O material lançado pela explosão parece menos substancial do que deveria ser, a sua química não bate certo com a observada noutros fenómenos do mesmo tipo e até a sua localização, distante de quaisquer "ninhos" de estrelas, foi uma surpresa. Feitas as contas, a equipa de astrónomos que observou o fenómeno, em 2005, não teve dúvidas: "Este é um novo tipo de surpernova [explosão de uma estrela]", segundo um dos coordenadores da equipa, Hagai Perets, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics. O artigo é publicado hoje na revista Nature. (DN)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.