Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

Filho de médico, João Diogo terá tido uma infância infeliz, em grande parte devido à morte do pai quanto tinha onze anos. Formou-se em ciências físico-naturais na Escola Politécnica do Porto, tendo iniciado as funções docentes no liceu e no colégio de Lamego. Transferiu-se para o Porto, tendo leccionado nos colégios de Santa Maria, Nossa Senhora da Glória e S. João da Foz do Douro. Em 1902, publica um opúsculo sobre A nova reforma do ensino secundário em França, no qual revela um bom conhecimento dos debates pedagógicos na Europa. (Leitura integral)

 

«DIOGO do Carmo, João», in António Nóvoa (dir.), Dicionário de Educadores Portugueses, Porto, Edições Asa, 2003: 496-498, com adaptações.

 

 

 

3 comentários

  • Amazing story. His father must be proud of him. You can't live in a peace of mind when you're uneducated. The boy knew this and studied hard. Good to read this kind of stories. Thanks for sharing.
  • Sem imagem de perfil

    Isabel 15.09.2019

    So proud of my great-uncle!This great man was my paternal grandmother's brother!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.