Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

Sindicatos de professores e Ministério da Educação retomaram as negociações para o novo regulamento de recrutamento de docentes, que já suscita muitas dúvidas e divergências às organizações sindicais.

O documento pretende agilizar a substituição de professores na escola e pressupõe que os professores de colégios privados com contrato de associação possam ser equiparados aos professores do ensino público para efeitos de recrutamento.

A Fenprof manifestou a sua oposição à disposição que levará a que um professor que queira mudar de escola tenha que se candidatar a três distritos e a FNE rejeitou os intervalos de horários para professores contratados constantes na proposta do Governo. (Público)

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.