07-03

Sindicatos de professores e Ministério da Educação retomaram as negociações para o novo regulamento de recrutamento de docentes, que já suscita muitas dúvidas e divergências às organizações sindicais.

O documento pretende agilizar a substituição de professores na escola e pressupõe que os professores de colégios privados com contrato de associação possam ser equiparados aos professores do ensino público para efeitos de recrutamento.

A Fenprof manifestou a sua oposição à disposição que levará a que um professor que queira mudar de escola tenha que se candidatar a três distritos e a FNE rejeitou os intervalos de horários para professores contratados constantes na proposta do Governo. (Público)


tags:

publicado por Correio da Educação às 10:59
link do post | adicionar aos favoritos

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




CONTACTOS

ce@asa.leya.com
pesquisa
 
Correio Disciplinar
Ciências Sociais e Humanas
Línguas e Literaturas
Ciências Exatas e Experimentais
Expressões
Escola em destaque
Escola Secundária Alcaides de Faria
Agenda


arquivo
Ligações
Parceiros
subscrever feeds