Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

Uma equipa científica luso-espanhola acaba de revelar a descoberta, no Mar Mediterrânico, do ser vivo mais velho da Terra, uma planta marinha que terá pelo menos 100 mil anos. A descoberta foi publicada na semana passada na revista «Public Library of Science One» (PloS One) e refere-se a um trabalho científico que decorreu entre 2005 e 2009, tendo por objeto a Posidónia oceânica. (Ciência Hoje)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.