Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

A proposta de alteração do modelo de gestão das escolas, entregue na sexta-feira pelo Ministério da Educação aos sindicatos, prevê a perde de poderes por parte dos diretores e a sua avaliação por parte de toda a comunidade escolar.
A proposta de alteração ao decreto-lei que define o Regime de Autonomia, Administração e Gestão Escolar foi um compromisso assumido pelo Governo durante as negociações sobre o novo modelo de avaliação e "procura ir ao encontro dos anseios de professores e escolas relativamente a estruturas de coordenação. (SIC)

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 21.02.2012

    Quem faz este comentário esteve 16 anos numa gestão democrática, ou seja , eleita pelos pela comunidade educativa, o sistema mais justo e eficaz para colocar fim à prepotência que domina as escolas e o clientelismo. Gerir uma escola, para quem sabe, não necessita de mais poderes, mas sim de respeito por todos.
    Espero que o Sr. Ministro não volte atrás, sob pena de desmotivar os docentes e não só.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.