Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Correio da Educação

Correio da Educação

Profissão: Professor Universitário

Jorge Barbosa Machado

Habilitações: Doutoramento

Ano: 2002

 

- Qual a sua atividade profissional mais gratificante já realizada?

- Professor do 3.º Ciclo do Ensino Básico.


- Para si, qual a chave para mudar a educação em Portugal?

- Acabar com o ensino por competências, centrando-o nos conhecimentos.

- Qual o papel reservado aos professores nessa mudança?

- O papel que deveriam ter: ensinar e não monitorizar.


- O que guarda como melhor para a vida ou mais gratificante na lembrança do seu percurso escolar?

- Quando aprendi a ler e a escrever, tinha 7 anos.


- Como compara a escola de hoje com a do seu tempo?

- É incomparável. Pela negativa.


- Que conselho daria aos alunos de hoje? E aos professores?

- Estudem. Ensinem.


- Qual a disciplina de que gostou mais?

- Biologia.


- Quando passou pela Escola, era um bom aluno?

- Bom no Ensino Primário; Médio no Ensino Secundário; Bom na universidade.


- O que será hoje um bom aluno?

- Aquele que tem muitas competências e, quando chega ao mercado de trabalho, não sabe fazer nada.


- Que mensagem deixaria aos professores deste país?

- Deixem-se de powerpoints e de atividades extracurriculares e ensinem a ler, a escrever e a contar. O resto são florzinhas.


José Barbosa Machado, assinando José Leon Machado, é um dos autores da nova geração literária portuguesa. Evidencia-se como contista - Fluviais, Os Incompatíveis e Jardim sem Muro - e romancista de ambientes históricos - O Guerreiro Decapitado (romance cuja ação se passa no século I d. C. durante a colonização romana do território que atualmente corresponde a Portugal) e Memória das Estrelas sem Brilho (romance sobre a participação dos Portugueses na Grande Guerra).

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.